Entre os 58 melhores hospitais da América Latina, 16 são brasileiros. 9 são clientes 2iM - 2iM Inteligência Médica

Entre os 58 melhores hospitais da América Latina, 16 são brasileiros. 9 são clientes 2iM

Entre os 58 melhores hospitais da América Latina, 16 são brasileiros. 9 são clientes 2iM

Melhores Hospitais da América Látina

O ranking de melhores hospitais da América Latina, referente ao ano de 2018, divulgado recentemente pela revista de negócios América Economia Intelligence, traz entre os 58 ranqueados, 16 hospitais brasileiros. O Hospital Israelita Albert Einstein figura na primeira posição do ranking. Entre os 16 brasileiros, 9 utilizam as soluções da 2iM Inteligência Médica.

A publicação avalia itens como: Segurança e Dignidade do Paciente, Capital Humano, Eficiência, Gestão de Conhecimento e Experiência do Paciente entre outros. Na divulgação, salienta que nenhuma instituição reduziu pontuação em relação à edição anterior. A evolução dos hospitais e clínicas participantes foi notada a partir do desejo de melhorar a experiência do paciente. Criar um ambiente acolhedor e humanizar o atendimento médico são os modelos que os melhores hospitais da América Latina adotaram para oferecer um melhor atendimento a seus pacientes, embora essas iniciativas impliquem, pelo menos no início, um custo financeiro maior. As instituições passaram a oferecer mais facilidades no acesso aos familiares, saindo de uma média de 13 horas de visita diária em 2014 para 16 horas em 2018, por exemplo.

Uma das evoluções mais notáveis foi o aumento de 27% no número de quartos individuais, que cresceu em cinco anos, de 4.109 para 5.227, somando apenas os 30 hospitais participantes, que estiveram presentes nos últimos 5 rankings. O que é congruente com o aumento da capacidade do pessoal, que passou de 13 para 17 médicos em tempo integral para cada mil saídas no mesmo período. O número de enfermeiros (auxiliares e universitários) por leito também aumentou, subiu de dois para três.

Argentina, Brasil, Colômbia, Costa Rica, Chile, Cuba, Equador, México, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela participaram do ranking, com instituições públicas, privadas ou universitárias, referenciadas pelos respectivos Ministérios de Saúde ou órgãos de autoridade equivalente na área. Os dados avaliados são estruturados em sete dimensões de qualidade hospitalar, obtidos através de questionários enviados pelos representantes e homologados com documentos comprobatórios. Figuram no ranking apenas hospitais que ultrapassem os 50 pontos no processo de avalição. Entre as 200 instituições avaliadas em 2018, 58 fora classificadas.

Além do hospital Albert Einstein (1º) as outras 14 instituições brasileiras que aparecem no ranking são: Hospital Samaritano de São Paulo (6º), Hospital Alemão Oswaldo Cruz (13º), Hospital Moinhos de Vento (15º) Hospital São Vicente de Paulo (18º), Hospital Santa Paula (20º), Hospital Infantil Sabará (21º), Hospital Edmundo Vasconcelos (26º), BP Mirante (27º), Hospital TotalCor (31º), Hospital Pró Cardíaco (40º), Hospital Municipal Moysés Deutsch – M’ Boi Mirim (41º), Hospital Marcelino Champagnat (46º), Hospital 9 de Julho (47º), Hospital Samaritano Botafogo (52º) e Hospital Brasília (55º).

São clientes da 2iM: Hospital Samaritano de São Paulo (6º), Hospital Alemão Oswaldo Cruz (13º), Hospital Moinhos de Vento (15º), Hospital Infantil Sabará (21º), BP Mirante (27º), Hospital Pró Cardíaco (40º), Hospital Marcelino Champagnat (46º), Hospital 9 de Julho (47º) e Hospital Samaritano Botafogo (52º).

Veja o ranking completo:

  1. Hospital Israelita Albert Einstein (São Paulo) – 1º BRASIL
  2. Clínica Alemana (Santiago, Chile)
  3. Fundación Valle del Lili (Cali, Colômbia)
  4. Hospital Italiano de Buenos Aires (Argentina)
  5. Fundación Cardioinfantil – Instituto de Cardiologia (Bogotá, Colômbia)
  6. Hospital Samaritano de São Paulo – 2º BRASIL
  7. Hospital Clínica Bíblica (San José, Costa Rica)
  8. Fundación Cardiovascular de Colombia (Bucaramanga, Colômbia)
  9. Hospital Pablo Tobón Uribe (Medellín, Colômbia)
  10. Hospital Universitário Austral (Buenos Aires, Argentina)
  11. Centro Médico Imbanaco (Cali, Colômbia)
  12. Médica Sur (Cidade do México)
  13. Hospital Alemão Oswaldo Cruz (São Paulo) – 3º BRASIL
  14. Clínica Internacional (Lima, Peru)
  15. Hospital Moinhos de Vento (Rio Grande do Sul) – 4º BRASIL
  16. Hospital de San Vicente Fundación (Medellín, Colômbia)
  17. Clínica Ricardo Palma (Lima, Peru)
  18. Hospital São Vicente de Paulo (Rio de Janeiro) 5º BRASIL
  19. Hospital Punta Pacífica (Cidade do Panamá)
  20. Hospital Santa Paula (São Paulo) – 6º BRASIL
  21. Hospital Infantil Sabará (São Paulo) – 7º BRASIL
  22. Hospital Alemán (Buenos Aires, Argentina)
  23. Clínica Las Américas (Medellín, Colômbia)
  24. Hospital Metropolitano (Quito, Equador)
  25. Clínica Universidad de la Sabana (Bogotá, Colômbia)
  26. Hospital Edmundo Vasconcelos (São Paulo) – 8º BRASIL
  27. Beneficência Portuguesa – Unidade Mirante (São Paulo) – 9º BRASIL
  28. Hospital General de Medellín (Medellín, Colômbia)
  29. Clínica del Occidente (Bogotá, Colômbia)
  30. Hospital El Cruce (Florencio Varela, Argentina)
  31. Hospital TotalCor (São Paulo) – 10º BRASIL
  32. Clínica San Pablo (Lima, Peru)
  33. Hospital Sótero del Rio (Santiago, Chile)
  34. Clínica Universitária Bolivariana (Medellín, Colômbia)
  35. Hospital Infantil Teletón de Oncologia (Querétaro, México)
  36. Hospital Méderi (Bogotá, Colômbia)
  37. Hospital Zambrano Hellion – Tec Salud (San Pedro Garza Garcia, México)
  38. Clínica Universitária Colombia – Colsanitas (Bogotá, Colômbia)
  39. Hospital de Niños Dr. Roberto Gilbert Elizalde (Guayaquil, Equador)
  40. Hospital Pró-Cardiaco (Rio de Janeiro) – 11º BRASIL
  41. Hospital Municipal Dr. Moysés Deutsch – M’ Boi Mirim (São Paulo) – 12º BRASIL
  42. Hospital Galenia (Cancún, México)
  43. Clínica El Rosario – Sede Tesoro (Medellín, Colômbia)
  44. Clínica Cardio Vid (Medellín, Colômbia)
  45. Fundación Hospital Infantil Los Ángeles (Pasto, Colômbia)
  46. Hospital Marcelino Champagnat (Curitiba) – 13º BRASIL
  47. Hospital 9 de Julho (São Paulo) – 14º BRASIL
  48. Hospital Universitário Departamental de Nariño (Pasto, Colômbia)
  49. Hospital Universitário Infantil de San José (Bogotá, Colômbia)
  50. SES Hospital de Caldas (Manizalez, Colômbia)
  51. Hospital Vivian Pellas (Managua, Nicarágua)
  52. Hospital Samaritano Botafogo (Rio de Janeiro) – 15º BRASIL
  53. Clínica Medllín (Medellín, Colômbia)
  54. Clínica Los Nogales (Bogotá, Colômbia)
  55. Hospital Brasília (Brasília) – 16º BRASIL
  56. Sanatorio LA Costa – Grupo San Roque (Assunção, Paraguai)
  57. Centro Policlínico Olaya (Bogotá, Colômbia)
  58. Clínica Las Vegas (Medellín, Colômbia)

Acesse matéria na América Economia Intelligence AQUI.
Veja também no Setor Saúde: http://bit.ly/2FBHBoe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Português
%d blogueiros gostam disto: